7 de dezembro de 2017

Irmãs Flores

Chamam-se Maria Inácia e Perpétua Fonseca, mais conhecidas por Irmãs Flores. São das artesãs mais importantes na produção de figurado de Estremoz.

Irmãs Flores, bonecos de Estremoz, Artesanato Estremoz, artesãs Estremoz, figurado de Estremoz, barrística de Estremoz
É dia de mercado em Estremoz e por isso as ruas estão mais animadas. Junto à porta das Irmãs Flores algumas pessoas espreitam a montra mas há também quem entre. Sigo-lhes a pegada.
4 de dezembro de 2017

A Cozinha da Clara

Quando soube da inauguração do restaurante A Cozinha da Clara fiquei curiosa. Conheço relativamente bem a restauração no Pinhão e questionei-me da sua necessidade. Estando aberta não apenas aos hóspedes da Quinta de La Rosa, o objectivo seria, certamente, atrair também passantes. Na minha última visita desfizeram-se as dúvidas.

A Cozinha da Clara, Quinta de La Rosa, restaurante Quinta de La Rosa, restaurantes Pinhão, restaurantes Douro
O Douro é das regiões vínicas mais extraordinárias do mundo e o Pinhão uma espécie de porta de entrada e saída. Dá-me uma enorme tristeza sempre que chego e vejo aquelas construções descaracterizadas, a ausência de identidade nas lojas e a falta de cortesia em alguns restaurantes, apenas interessados em grupos com menus feitos à medida do que se quer vender. Por isso, quando conheci A Cozinha da Clara pensei: como foi possível só surgir agora?
27 de novembro de 2017

Quinta de La Rosa

Nos últimos anos tenho aprimorado o gosto por aquilo a que os ingleses chamam de “cozy places”. A Quinta de La Rosa é um desses exemplos. Sempre que fazia a N222 lá estava ela, na margem direita do Douro, com a sua icónica vinha: o Vale do Inferno. No S. Martinho fui conhecê-la.

Quinta de La Rosa, quintas Douro, enoturismo Douro, quintas Pinhão, quintas emblemáticas do Douro
Regressar ao Pinhão é sempre especial, já que foi aqui que fiz a primeira saída após o nascimento do meu filho. Desta vez (Sábado) atravessei a vila quase sem ver vivalma, sempre com aquela calma que gosto de ter quando volto onde já fui feliz. Ao cruzar os portões da Quinta de La Rosa não imaginava que iria acrescer tantas outras memórias a um baú já repleto.
14 de novembro de 2017

Aldeia Histórica de Marialva

A cerca de 10 quilómetros de Mêda, as ruas empedradas da aldeia histórica de Marialva levam-nos a tempos longínquos da nossa história mas também ao quotidiano das gentes da terra que tão bem sabem receber.

aldeia histórica de marialva, aldeias históricas de portugal, casas do côro
Todas as estações são boas para visitar a aldeia histórica de Marialva mas acho que o cinza da pedra combina bem com o tempo frio. Conhecer apenas a aldeia ou dormir nas magníficas Casas do Côro é por si só uma boa experiência mas incompleta se não se entrar na zona amuralhada.
9 de novembro de 2017

Tipografia Popular do Seixal

No Seixal, na antiga Tipografia Popular A. Palaio, Lda, Eduardo Palaio dá a conhecer como funciona a única réplica em Portugal da prensa  de Gutemberg.

Tipografia Popular do Seixal, tipografia Palaio
Não foi necessário o convite do senhor Eduardo Palaio ao ver-me espreitar à porta do nº 41 na Praça Luís de Camões para entrar. Já sabia que por detrás da bonita fachada de azulejos há um património que ultrapassa o da antiga tipografia que aqui operou durante cerca de 50 anos. Além da oficina tradicional de artes gráficas, aqui recria-se também os primórdios da impressão.
2 de novembro de 2017

Relais La Suvera: uma experiência memorável

Começou por ser uma fortaleza medieval e mais tarde adaptada a villa renascentista do Papa Júlio II. Hoje, além ser um dos mais bonitos alojamentos de luxo na Toscana, alberga um museu com peças da família Ricci e Massimo.

Relais La Suvera, villa renascentista Papa Julius II, fortaleza medieval Toscana, alojamento luxo Toscana
Itália...Toscana… (suspiro). Sim. Suspiro sempre que penso neste país e nesta viagem. E um dos motivos é recordar La Suvera. Queria muito dormir num castelo. Não precisava de ser uma grande propriedade mas tinha de ter um ambiente de campo. Coincidência das coincidências, umas semanas antes de partir passou na RTP2 o filme “A Viagem a Itália” de Michael Winterbottom com Rob Brydon e Steve Coogan. Fiquei curiosa com um dos lugares e acabei no computador a investigar. O que vi deixou-me tão deslumbrada que não procurei mais. Era aqui que iria ficar.
26 de outubro de 2017

Helsínquia inesperada

A viagem a Helsínquia foi inesperada. Num dia estava a retirar roupa de verão da mala e no outro a colocar roupa de Outono. Mas há coisas que têm muita força e lá embarquei. O voo foi de noite e por sorte consegui dormir. Cheguei a Helsínquia de madrugada.

o que visitar em Helsínquia, roteiro por Helsínquia, atrações de Helsínquia
Apanhei um táxi que me levou ao hotel. Uma viagem rápida mas que permitiu começar a sentir a agitação da cidade. Àquela hora, já havia movimento nas ruas.
18 de outubro de 2017

8 locais onde parar entre Lisboa e Madrid

Longe vai o tempo em que ia de Lisboa a Madrid de uma assentada. Claro que havia sempre paragens para comer, ir à casa de banho e alternar o condutor mas nada que alterasse em muito a viagem. Desde que sou mãe mudou: o tempo passou a ver vivido de outra forma e agora opto por pelo menos uma (às vezes duas) paragens. Isso fez-me procurar percursos alternativos e a conhecer novas paragens.

Mérida

onde parar entre Lisboa e Madrid
Capital da região da Extremadura e classificada como Património da Humanidade pela UNESCO, Mérida é uma viagem até à época romana. Dos locais a não perder destaco a Casa de Mitreo, a ponte romana, o templo de Diana, o arco de Trajano, o teatro e anfiteatro romanos e o imperdível Museu Nacional de Arte Romano. Ainda recordo o pudim de queijo da Casa Benito.