21 de fevereiro de 2017

O meu Porto

À semelhança do que aconteceu em 2012 e 2014, o Porto voltou a ser eleito o melhor destino europeu. Apercebi-me que nos últimos dois anos visitei-o várias vezes e coloquei a seguinte questão: afinal o que tem o Porto de tão especial?

O que visitar no Porto, roteiro Porto, lugares imperdíveis no Porto
Não é que me deixe levar por modas mas o Porto é dos lugares que mais visitei nos últimos tempos. Durante anos achei-o feio, triste e cinzento. Custava-me ver as casas decrépitas e os espaços pouco cuidados. Isso mudou. O Porto de hoje é uma cidade muito diferente, renovada e requalificada.
A minha abordagem é semelhante, pelo lado de Gaia para ver a Ribeira, o Douro e o casario de frente. É uma imagem que me reconforta. Escolho uma caves de vinho do Porto que ainda não tenha visitado e depois atravesso a Ponte D. Luiz a pé, entre o ruído constante do trânsito e pressas que só levam a mais atrasos. A chegada à Ribeira traz uma calma relativa, já que é dos lugares mais turísticos do Porto. Há sempre pessoas a circular, vendedores com produtos mais ou menos típicos mas piora quando as temperaturas sobem, já que as esplanadas invadem muito do espaço. É pena que se caia no exagero.

O que visitar no Porto, roteiro Porto, lugares imperdíveis no Porto
Depois começo a subir em direção à baixa. Costumo ir às Ferragens Fermoura, onde acabo por comprar brinquedos em madeira para o meu filho. Percorro sempre a Rua das Flores e entro em lojas que já conheço com o entusiasmo de uma primeira vez. Na última visita, junto à Estação de São Bento, descobri a pastelaria Serrana que tem um quadro centenário de Acácio Lino, cuja casa museu já visitei em Amarante.
Antes costumava entrar na Livraria Lello mas agora a fila é impossível, mesmo com entrada paga. Mas nesta zona há tantos lugares para explorar. Gosto de ir à Vida Portuguesa, à DuMonde Chocolat ou aos Armazéns do Castelo seguida de uma paragem na Leitaria Quinta do Paço para um (ou dois) éclaires.

O que visitar no Porto, roteiro Porto, lugares imperdíveis no Porto
O Quarteirão Bombarda é dos meus espaços favoritos no Porto. É eclético e transpira arte. Nem são as lojas vintage que me atraem mas os produtos alternativos, que vão desde o vestuário à decoração e gastronomia. Além das obras de arte nas várias galerias, as próprias paredes exteriores serviram para o tornar incontornável aos apreciadores de arte urbana.

O que visitar no Porto, roteiro Porto, lugares imperdíveis no Porto
O Porto também tem excelentes espaços museológicos. Gosto do Centro Português de Fotografia (também pelo edifício), do Museu da Misericórdia do Porto (o quadro Fons Vitae atribuído a Colijn de Coter e o revestimento a azulejo da Igreja da Misericórdia são imperdíveis), do Museu Soares dos Reis (onde fiquei a conhecer o trabalho de Henrique Pousão) e do Museu Romântico (adoro o quarto das crianças).

O que visitar no Porto, roteiro Porto, lugares imperdíveis no Porto
Desde que sou mãe passei a procurar mais espaços verdes onde o meu filho possa andar livremente e em segurança. Costumo ir ao Parque de Serralves e ao Parque da Cidade mas os Jardins do Palácio de Cristal têm um encanto especial. Não sei se é pela grande estrutura do Pavilhão Rosa Mota, se pelas alamedas a lembrar uma espécie de passeio público, se é a Capela do Rei Carlos Alberto, os canteiros floridos ou a vista para o Douro. Serão as boas memórias certamente.

O que visitar no Porto, roteiro Porto, lugares imperdíveis no Porto
Como sempre muito bem no Porto. Além das francesinhas na Cervejaria Portobeer, das pizzas do Portarossa que me recordam Itália, da inspiração portuguesa do Traça ou do DOP, foram os pastéis de bacalhau, os filetes de polvo e os quindins da Adega de São Nicolau que me arrebataram da última vez.
O último dia no Porto é quase sempre igual, sem planos definidos. Costumo circular pelas ruas estreitas, ir tomando notas no meu caderno e descobrindo momentos para fotografar. Gosto de conquistar as pessoas com um sorriso, esperar que me digam bom dia e me convidem a entrar nos seus estabelecimentos. É quando surgem as melhores descobertas. Gosto das varandas, dos estendais coloridos, dos vasos que se sobrepõem e das figuras caricatas com que me cruzo. Mas sobretudo, gosto do vernáculo genuíno portuense dito sem maldade, que começa logo em pequenino.

O que visitar no Porto, roteiro Porto, lugares imperdíveis no Porto
O que visitar no Porto, roteiro Porto, lugares imperdíveis no Porto
O que visitar no Porto, roteiro Porto, lugares imperdíveis no Porto
O fim do dia é passado numa esplanada, a sentir o ambiente cosmopolita. Por vezes, opto por fazer a despedida em Gaia. Nem todas as vezes que vou ao Porto posso pernoitar no Yeatman mas tomar uma bebida ao fim do dia na esplanada é mais concretizável. Além de ser um dos melhores hotéis do país, oferece uma experiência vínica inigualável e uma vista para o Porto invejável. De copo na mão, penso que ficou ainda tanto por conhecer, que é uma cidade que primeiro se estranha e depois se entranha. É hora de fazer contas aos sacos de bolacha francesa, cavacas, milhos e belinhas que tenho de levar dos Biscoitos Diogo e do Paupério até ao próximo regresso.

O que visitar no Porto, roteiro Porto, lugares imperdíveis no Porto
O que visitar no Porto, roteiro Porto, lugares imperdíveis no Porto

16 comentários:

  1. Adorei este post e as fotos :) Este teu Porto coincide em muitas coisas com o meu...Linda cidade, onde grande parte de mim gosta sempre de voltar!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Ana: também acho que temos muitos gostos em comum. O Porto é de facto uma cidade fantástica e a cada visita consigo sempre surpreender-me de descobrir espaços novos.

      Eliminar
  2. Adorei as fotos, me fizeram querer conhecer a cidade! Quando estive em Portugal a primeira vez não tive a oportunidade de ir pra lá, mas mês que vem vou fazer um mochilão, quem sabe não incluo Porto nessa aventura ;)

    ResponderEliminar
  3. Adorei o tom do post, também sou adepta do slow travel, de deambular sem destino e de descobrir o inesperado. Concordo em relação à Foz, quando chega o calor, as esplanadas tomam demasiado espaço.
    Abraço
    Ruthia d'O Berço do Mundo

    ResponderEliminar
  4. Nossa, que post lindo. Já visitei porto algumas vezes e é simplesmente incrível mesmo. Saudades de Porto e de Portugal.

    ResponderEliminar
  5. Preciso conhecer esse lugar urgentemente. Estou encantada com as fotos e relatos! Tenho certeza que será uma daqueles destinos que irei voltar várias vezes. Parabéns pelo post!

    ResponderEliminar
  6. Voltei ao Porto com você, Eva. Cheguei de lá há mais ou menos três meses, mas minha alma recusa-se a voltar! Me encontrei no Porto, nas ruas que você descreve, nas casas, no jeito das pessoas, na gastronomia... É como se tivesse vivido uma vida ali, mas não, nunca morei no Porto. Foi um encontro de espíritos, amor à primeira vista... Quero voltar uma, duas, três vezes... Como um amor de literatura, de filme, de novela, não encontrei defeitos nessa cidade que conquistou o meu coração sem esforço algum! Gratidão por me levar mais uma vez até lá, com suas palavras e imagens! bj

    ResponderEliminar
  7. Olá Analuiza: ainda bem que gostou. Eu acho que o Porto não é uma cidade fácil, pelo menos os locais mais turísticos mas nos últimos anos tem-me sabido conquistar e é das minha cidades favoritas. Tem um encanto muito especial.

    ResponderEliminar
  8. Quero muito visitar Portugal e sem dúvida o Porto! Todo mundo fala tão bem da cidade que é difícil ficar a parte, bem merecido ter sido eleito um dos melhores destinos europeus!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Flávia: acho que vai adorar o Porto. Tem história, gastronomia, bons vinhos, excelentes hotéis e muitos recantos para descobrir.

      Eliminar
  9. Tal como você, o Porto é uma cidade que começou a ganhar terreno na minha lista de cidades favoritas. Também acho que nos últimos anos começou a ser mais cuidada. Só é pena que espaços que antigamente eram gratuitos agora estejam a ser cobradas entradas. Bem, acho que é o preço da fama.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Marlene: pois é, quando os lugares começam a ficar demasiado conhecidos algumas coisas mudam para pior.

      Eliminar
  10. O Porto já está na minha wishlist há tempos mas infelizmente ainda não consegui conhecer. Esse post me deu uma ideia: vou já pesquisar uma passagem aérea rs

    Bjs
    Dani Bispo
    abolonhesa.com

    ResponderEliminar
  11. Otimo post!
    Depois que viramos mães, nosso foco de viagem muda! Eu também procuro por parques planos e seguros!

    Eu gostei muito da cidade do Porto, mas estive por muito pouco tempo (apenas 3 dias) e gostei dela em um primeiro momento!
    O curioso é que eu não a vi como uma cidade portuguesa (ou da imagem que eu tinha até então das cidades portuguesas), mas como uma tìpica cidade européia! Talvez fosse a chuva.. não sei, mas não havia visto nela as cores alegres de Lisboa.
    ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Juliana: uma das coisas que caracteriza Lisboa é a sua luz especial. Eu acho o Porto mais cinzento, apesar da haver também fachadas coloridas. Acho que se deve ao mau estado de alguns edifícios mas isso felizmente está a mudar.

      Eliminar
  12. Estive no Porto ano passado pela primeira vez e me encantei. Preciso retornar urgentemente para conhecer o que não conheci. Adorei o post =)

    ResponderEliminar