22 de janeiro de 2017

Novo Ano Chinês

Começa apenas dia 28 de Janeiro mas as comemorações já se iniciaram este sábado. A Almirante Reis e o Martim Moniz encheram-se de cor para receber o novo ano do galo.

Novo Ano Chinês 2017, ano chinês do galo
O desfile estava marcado para as 11 horas da manhã e como era a primeira vez que ia assistir com o meu filho, cheguei cedo. Na Praça do Martim Moniz já se começavam a expor alguns produtos do extremo oriente. Segui o fluxo de pessoas em direção à Igreja dos Anjos. Pelo caminho, os vários estabelecimentos começam a preparar as montras com uma panóplia de fritos cujo cheiro chega a vários metros de distância.
Pontualmente, começam a soar os vários instrumentos que irão acompanhar o desfile. Entre operadores de câmara, jornalistas e fotógrafos profissionais e amadores, era um manancial de gente a querer captar o melhor momento. E oportunidades não faltaram. Era evidente o orgulho dos que representaram o seu país, cultura e organizações, vestidos a preceito, com coreografias bem encenadas. Além da comunidade chinesa e de locais interessados, também turistas acompanharam o desfile, um extra para quem está de visita a Lisboa.

Novo Ano Chinês 2017, ano chinês do galo
Novo Ano Chinês 2017, ano chinês do galo
Novo Ano Chinês 2017, ano chinês do galo
Novo Ano Chinês 2017, ano chinês do galo
Novo Ano Chinês 2017, ano chinês do galo
Novo Ano Chinês 2017, ano chinês do galo
Novo Ano Chinês 2017, ano chinês do galo
Novo Ano Chinês 2017, ano chinês do galo
Novo Ano Chinês 2017, ano chinês do galo
No meio da multidão acabei por ser surpreendida por uns amigos que já não via há algum tempo. Acabamos por descer a avenida juntos e dar um volta na praça. E porque dos imprevistos surgem coisas boas, fizemos um almoço demorado e terminamos a tarde com os nossos filhos a correrem atrás de um balão no Largo do Intendente. Afinal, para ser feliz é preciso muito menos do que julgamos.
Quando regressei à Praça do Martim Moniz eram centenas as pessoas que assistiam ao suceder dos espetáculos, sob um sol quente de inverno, que apetece disfrutar.

0 comentários:

Enviar um comentário