9 de março de 2016

Enoturismo em Bordéus: Château Saint Ahon

A cerca de 12 quilómetros de Bordéus, no Château Saint Ahon, Mirabel guia-nos pelo ambiente campestre e dá-nos a conhecer vinhos de grande qualidade.

Château Saint Ahon; Enoturismo em Bordéus
A minha visita ao Château Saint Ahon tinha tudo para correr mal. Mas por vezes é nesses momentos que se percebe a qualidade do serviço. Agendo a visita para as 14 horas e um pouco antes estaciono em frente à loja. Estranho a porta fechada e não avistar ninguém. Os minutos passam e a situação mantém-se até que aparece uma senhora. Eu insisto ter marcado para este dia e ela diz-me que apenas tem marcações para o seguinte. Mas com enorme elegância solucionou o problema.
– A pessoa responsável pelo enoturismo apenas chega às 15 horas mas se quiserem podem conhecer a quinta e fazer um pequeno jogo.
A proposta é irrecusável, até porque começo a duvidar das minhas certezas. Recebo a documentação, atravesso o portão e entro nos jardins de Mirabel. Uma das razões que me leva a escolher este château é o seu caráter familiar. Já tinha conhecido a proprietária e agora deparo-me com o anfitrião do quiz: Mirabel, o burro, num almoço tardio, indiferente aos trabalhos na quinta. Dos 40 hectares, 30 estão ocupados com vinha.  Está adaptada aos trabalhados mecânicos, poupando-se tempo e mão de obra. Nas videiras brotam os primeiros cachos.

Château Saint Ahon; Enoturismo em Bordéus
Château Saint Ahon; Enoturismo em Bordéus
Começo então a olhar para o quiz e a tentar perceber em que consiste o jogo. Há um percurso assinalado com vários pontos de paragem. O objetivo é ler as várias placas e responder às questões. Mas o que inicialmente julgo ser uma actividade para os mais novos, percebo que é ideal para quem se está a iniciar no mundo dos vinhos. De forma lúdica mas bem documentada tomo conhecimento de todas as etapas, desde o terroir, às castas usadas, vinificação, estágio e processo de distribuição.

Château Saint Ahon; Enoturismo em Bordéus
Por trás do château há uma ponte sobre um riacho. Não é de grande beleza e talvez pudesse estar melhor cuidada mas dá-lhe um genuíno toque campestre. À medida que avanço no jogo, entro no pequeno bosque. É bastante tranquilo e sente-se em pleno o cheiro da natureza. Tem uma zona para piqueniques e um parque infantil. Nos dias de sol, será um espaço agradável para se estar.

Château Saint Ahon; Enoturismo em Bordéus
Volto à loja feliz com o jogo. A responsável pelo enoturismo confirma-me o que já tinha percebido: troquei os dias mas não há problema. Podemos ainda ver as cubas de cimento e a sala de barricas.
O Château Saint Ahon insere-se na área dos vinhos Haut-Médoc e desde 2009 que está autorizado a produzir Cru Bourgeois. As vinhas não ultrapassam os 30 anos e cultivam castas tintas: Merlot, Cabernet Sauvignon, Cabernet Franc e Petit Verdot. Apenas esta casta é vindimada manualmente, o que ocorre geralmente em Setembro. Em Outubro dá-se a primeira fermentação, em Novembro a segunda e no fim do ano decidem-se os lotes. Em Março o vinho é colocado nas barricas para estágio em madeira. Trabalha com várias tanoarias mas sempre com carvalho francês. A ideia é obter-se diferentes sabores mas sem excessos, porque o que se pretende é salientar o sabor frutado do vinho.
Regresso novamente à loja para as provas. Durante o jogo aprendi que os vinhos de Bordéus têm regras rígidas quanto às castas e tipo de barricas e agora explicam-me os rótulos. No caso do Mirabel, que é um vinho de gama baixa (12,5€) é possível fazer algumas brincadeiras, daí o desenho do burro. Já o Colbert-Cannet (14,90€) ou o Château Saint Ahon (29,80€) têm rótulos mais sérios, com o brasão ou imagem do château.

Château Saint Ahon; Enoturismo em Bordéus
Château Saint Ahon; Enoturismo em Bordéus
A escolha de visitar este château excedeu em muito as minhas expectativas. O que inicialmente tinha tudo para correr mal, acabou por ser uma excelente experiência. Mais do que conhecer o espaço e provar vinhos, aprendi muito sobre a produção de vinho em Bordéus e de todo o processo até ao consumo final.

Château Saint Ahon
57, rue Saint Ahon
33290 Blanquefort

0 comentários:

Enviar um comentário