17 de dezembro de 2014

A Casa do Bacalhau


A poucos metros do Convento do Beato, o restaurante A Casa do Bacalhau apresenta pratos onde o fiel amigo é a estrela da companhia.

Se há peixe que faz parte da nossa cozinha é o bacalhau. São tantas as maneiras de o confecionar que pode ser servido em entradas, sopas e pratos principais. No mês de Dezembro, com o Natal a chegar, parece que que ainda me sabe melhor. Juntei à gazeta de Domingo a vontade de conhecer um novo restaurante e fui almoçar à Casa do Bacalhau.
A sala de refeição está localizada nas antigas cavalariças do Palácio do Duque de Lafões. É ampla e sóbria, com espaço suficiente entre as mesas, dois tanques de pedra ao centro e o teto em abóbada.
Na hora de escolher, há que ler atentamente a ementa. Apesar de haver sugestões mais contemporâneas, opto por um tradicional bacalhau com broa e grelos salteados em azeite de alecrim (18€). E para ir entretendo o apetite, aceitei a sugestão duns pastéis de bacalhau que estavam uma delícia (1€ unidade). A carta de vinhos é extensa mas o serviço a copo fica a desejar.

Restaurante A Casa do Bacalhau

Há alguns casais a almoçar mas acima de tudo vejo reuniões familiares de três gerações: avós, pais e netos. Algumas crianças correm entre as mesas mas não atrapalham o serviço eficiente e célere. Apesar da sala estar praticamente lotada, sou servida com relativa rapidez.
Dispenso o tomate cereja e o começo pelo lombo de bacalhau. Muito bem assado, de excelente qualidade, ponto de sal perfeito, a lascar como manda a tradição. Sobre a estrela do prato nada a apontar mas se tivesse um maior equilíbrio entre os acompanhamentos (mais batata e menos grelos e broa) o resultado seria melhor.

Restaurante A Casa do Bacalhau

Para sobremesa continuei a apostar nos sabores tradicionais portugueses. Uma sericaia (4€) seguida de um café (1€) rematou a refeição. A Casa do Bacalhau entrou na minha lista de locais a regressar.

Restaurante A Casa do Bacalhau
Rua do Grilo, 54
1900-706 Lisboa

0 comentários:

Enviar um comentário