2 de maio de 2014

Uma água chamada saúde


A água das Termas das Caldas da Saúde, em Santo Tirso, possui características minerais benéficas no tratamento de algumas doenças. O bem estar é a aposta mais recente para atrair novos públicos.



Com a atribuição do prémio de melhor blogue pessoal pela BTL, a Associação das Termas de Portugal convidou-me a disfrutar de uma experiência termal. Fui até Santo Tirso conhecer o que têm de especial as suas águas.Termas das Caldas da Saúde; Turismo de saúde


Sou recebida pelo Dr. Fernando Adosindo, director das Termas das Caldas da Saúde. Explica-me que o cheiro forte se deve ao cubo junto da entrada, principal ponto de captação destas águas sulfúreas, a uma temperatura de 36ºC. Com uma elevada condutividade elétrica, estas águas apresentam bons resultados no tratamento de doenças do aparelho respiratório, reumáticas e músculo-esqueléticas.


Prossigo visita pelo balneário, existente desde finais do século XIX e renovado em 1994, altura em que se introduziu um conceito misto. Além dos tratamento clássicos termais, as Termas das Caldas da Saúde oferecem  uma vertente de bem estar. Abertas durante todo o ano, com horário alargado, dispõem de ginásio, jacuzzi, banho turco, sauna e massagens.


Termas das Caldas da Saúde; Turismo de saúde


No pátio quase centenário, com mosaicos originais, há um pequeno núcleo museológico, que reflete as práticas termais de outros tempos. É a partir daqui que inicio a minha experiência, acompanhada por um técnico.


Começo pela hidromassagem na piscina termal, com água a mais de 30ºC e 1,20m de profundida, segura mesmo para quem não sabe nadar. Pequenos jatos de água, com intensidades diferentes, são lançados contra o corpo, proporcionando um relaxamento muscular. As barras laterais permitem flutuar e a verdadeiros momentos de descanso.


No jacuzzi, a temperatura é mais elevada. É aqui que “aguardo”, sentada no epicentro de um turbilhão de bolinhas, até que chega o momento da massagem vichy. Deitada numa marquesa, o meu corpo transforma-se em dezenas de canais hídricos, por onde a água desliza, à medida que é massajado. A associação dos pequenos chuveiros à ação da terapeuta provocam uma descontração muscular e um bem estar revitalizante.

Termas das Caldas da Saúde; Turismo de saúde


Termino no emanatório, que foi o meu favorito. Do teto da sala saem milhares de gotas de água cobrindo o corpo por completo. Apesar da humidade relativa ser elevada, não tem o mesmo impacto que o banho turco. Dez minutos fizeram uma limpeza nas minhas vias respiratórias.


Quando chego à sala de estar, constato que passou mais de uma hora. É muito importante beber água para repor os líquidos perdidos. Deito-me nas espreguiçadeiras e observo o pátio, agora com menos movimento. Sinto-me  completamente relaxada  e calma. Agora percebo o porquê desta água se chamar saúde.


Termas das Caldas da Saúde; Turismo de saúde


Um bem haja à Associação das Termas de Portugal pelo convite para esta experiência e à disponibilidade, simpatia e atenção com que o Dr. Fernando Adosindo me recebeu.

Termas das Caldas da Saúde
Rua das Termas 754
4780-068 Santo Tirso

2 comentários:

  1. Antes de mais os meus mais sinceros parabéns pela atribuição do prémio de melhor blogue pessoal atribuido a este blogue pela BTL.
    A sua visita a estas termas permitiu um artigo foi bastante informativo e instrutivo, parabéns também por isso.
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  2. Muito obrigada pelo seu comentário. Esta experiência termal foi algo que nunca tinha feito e de que muito gostei.

    ResponderEliminar