7 de janeiro de 2014

Vestígios romanos em Portugal: onde Cardilio e Avita foram felizes


As Ruínas Romanas de Cardílio, a poucos quilómetros de Torres Novas, ainda hoje estão envoltas em mistério quanto à interpretação de um dos seus mosaicos mais conhecidos. Afinal, quem foram Cardilio e Avita?

Ruínas Romanas de Cardílio; Vestígios Romanos em Portugal

Cardilio e Avita foram os proprietários desta villa romana e aqui habitaram no século IV. Estes dois agricultores ficaram imortalizados num dos mosaicos da sala. Parte da cabeça de Cardilio perdeu-se mas não é por isso que o casal deixou de sorrir. Ambos com o ombro direito descobertos, separados por uma foice (símbolo do pão?) e de duas crateras, que serviam para misturar o vinho e a água.
É a zona nobre da casa e está ricamente decorada. Apenas restam os mosaicos, já que parte das paredes foram usadas para construção de outras habitações da cidade. Só a partir de 1963 é que se iniciou a escavação arqueológica. Mesmo assim, Cardilio e Avita mantêm o sorriso, rodeados de bonitas tesselas de motivos geométricos.

Ruínas Romanas de Cardílio; Vestígios Romanos em Portugal

Ruínas Romanas de Cardílio; Vestígios Romanos em Portugal

Separados por nós de Salomão surge o mais famoso de todos os mosaicos e que está na origem do nome destas ruínas. Não há consenso quanto à tradução mas das várias hipóteses, agrada-me “Cardilio e Avita vivem felizes nesta torre”.

Ruínas Romanas de Cardílio; Vestígios Romanos em Portugal

Olhando em redor, tudo favorecia esta felicidade: no peristilo, o claustro estava ricamente adornado com tapetes de mosaicos; junto ao jardim, um poço fornecia água e mantém-se em bom estado uma arcaria em tijolo para aquecimento. Nesta villa agrícola, o ambiente campestre ainda se mantém: as oliveiras, os extensos campos de cultivo e a proximidade do rio Almonda, fundamental para a rega. Nas imediações passava a principal estrada romana do país, que ligava Olisipo a Bracara Augusta.

Ruínas Romanas de Cardílio; Vestígios Romanos em Portugal

Ruínas Romanas de Cardílio; Vestígios Romanos em Portugal

Algum do espólio descoberto nas escavações está em exposição no Museu Municipal Carlos Reis, em Torres Novas, e consiste em objetos em vidro, cerâmica, moedas, mosaicos e estátuas.
E se em Roma sê Romano, nesta villa também: alguns dos painéis de mosaicos foram retirados e encontram-se atualmente sobrepostos no exterior do Centro de Interpretação, sujeitos às intempéries, sem qualquer proteção. Olhando com cuidado, descobri na cercadura uns quadrados preenchidos com pedrinhas coloridas, que vão aumentando em número de forma sequencial e que eram usadas para o jogo da pedra. Afinal, os romanos eram conhecidos pelo seu gosto pela diversão.

Ruínas Romanas de Cardílio; Vestígios Romanos em Portugal

Antes de ir embora, volto atrás para rever os sorrisos de Cardilio e Avita. Mantê-lo-iam se vissem a villa onde outrora foram felizes pouco valorizada?

Nota: as Ruínas Romanas de Cardílio estão abertas diariamente das 9h00 às 12h30 e das 13h30 às 17h, excepto feriados. No local há estacionamento, centro de interpretação e WC. A visita é gratuita. Dada a falta de sinalização de acesso ao local, deixo a coordenada de GPS: N 39° 27.204 W 008° 31.782.

Outros vestígios romanos em Portugal:

1 comentário:

  1. A nossa história passada é maravilhosa,os portugueses tem um passado muito rico.

    ResponderEliminar